Home » Notícias » Portal » Portal - Notícias » Processo seletivo: Inscrições para contratação temporária de analistas da área de TI do MPRN seguem até 15 de abril

Processo seletivo: Inscrições para contratação temporária de analistas da área de TI do MPRN seguem até 15 de abril

Compartilhar
Imprimir
Ao todo, são 16 vagas disponíveis para trabalhar em Natal. Contratação é de um ano, podendo ser prorrogada. Remuneração é de R$ 4.801,57
 
O Ministério Público do Rio Grande do Norte continua com as inscrições abertas, até o dia 15 de abril, para processo seletivo simplificado para contratação temporária de 16 analistas da área de Tecnologia da Informação para a implementação de projetos atualmente em desenvolvimento na instituição. A remuneração para o cargo é de R$ 4.801,57. Há vagas reservadas para pessoas com deficiência e negros.

O edital do processo seletivo foi publicado no dia 23 de março no Diário Oficial do Estado (DOE). As inscrições são gratuitas e podem ser feitas exclusivamente via internet, por meio da plataforma do processo seletivo.

Todas as 16 vagas são para trabalhar na Diretoria de Tecnologia da Informação do MPRN, com lotação em Natal. Ao todo, são 12 vagas para o cargo de analista de Desenvolvimento de Sistemas, sendo 7 para ampla concorrência, 3 destinadas a pessoas negras, e 2, para pessoas com deficiência. Há ainda duas vagas para engenheiro de dados/Business Intelligence, ambas para ampla concorrência. E outras duas vagas para o cargo de analista Devops, também para ampla concorrência.

A contratação é de um ano, podendo ser prorrogada uma única vez por igual período. O MPRN poderá, em caso de desistência ou de rescisão contratual, realizar novas contratações para completar o prazo total de 24 meses do contrato antecedente, observados rigorosamente os critérios de classificação.

O processo seletivo se dará através da avaliação de títulos e da experiência profissional dos candidatos. O envio dos documentos relativos à avaliação de títulos e comprovação de experiência prévia é obrigatório.

A carga é de 40 horas semanais, sendo possível a adoção do regime de teletrabalho a partir de solicitação do interessado, concordância da chefia imediata e autorização da Procuradoria Geral de Justiça, conforme regulamento do MPRN.

Clique aqui para acessar o formulário de inscrição.

Confira aqui o edital na íntegra.

Compartilhar
Imprimir

Notícias Recentes

Pular para o conteúdo