Imprimir 

Atividade teve como objetivo verificar como está sendo o processo de registro das imunizações realizadas no município
 
 
Em ação conjunta realizada na manhã desta sexta-feira (22), pesquisadores do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (LAIS/UFRN) e promotores do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) visitaram o ponto de vacinação contra a Covid-19 da Arena das Dunas, na zona Sul de Natal. A atividade teve como objetivo verificar como está sendo o processo de registro das imunizações realizadas no local, bem como reforçar tanto junto aos gestores quanto aos usuários da importância do cadastro do sistema RN Mais Vacina. A atividade também contou com a participação do Departamento de Vigilância em Saúde da capital potiguar.
 
Foto: LAIS/Divulgação
 
A visita técnica foi uma demanda do próprio MPRN, que solicitou a participação da equipe do LAIS. Além do trabalho de fiscalização, o grupo analisou o fluxo de trabalho no ponto de vacinação, visando a implementação de uma infraestrutura que permita a atualização "in loco" do sistema, o que possibilitaria um melhor acompanhamento do processo de vacinação em Natal.
 
A promotora de Justiça Marília Cunha Fernandes, que participou da fiscalização, destacou a importância do uso da tecnologia por Natal e pelos demais municípios do Estado. De acordo com ela, este trabalho vai garantir mais transparência para gestores públicos, órgãos de controle e também para a população em geral. "A tecnologia está sendo uma aliada, pois com a criação deste sistema, será possível otimizar o trabalho nos postos de vacinação. É importante que as pessoas se cadastrem previamente, pois diminui o tempo de espera na fila e evita possíveis fraudes", destacou.
 
Segundo Juliana Araújo, diretora do Departamento de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Natal (SMS), o órgão vê com grande importância integração com a UFRN através do LAIS. "A academia e serviço andando juntos possibilita otimizar o sistema, valorizar os profissionais. Temos parceria de longa data com LAIS, como no caso do sistema SALUS, que foi o sistema exclusivo para monitoramento da covid-19 no município, temos também o sistema de vacinação em condomínio, que será importante também ao integrar com o RN Mais Vacina. Temos que dar as mãos pelo fortalecimento do SUS e passar a população essa importância da qualidade do serviço", afirmou.
 
Também presente na atividade, o professor Ricardo Valentim, coordenador do LAIS, explicou que devido a demanda maior do município de Natal, serão realizadas capacitações para gestores e profissionais que atuam na vacinação na capital potiguar. "Tivemos uma reunião bastante proveitosa ontem (21) com o secretário George Antunes, e disponibilizamos nossa equipe para capacitar os profissionais para utilizarem o sistema . É importante destacar que Natal tem a maior população do estado, com uma logística maior para realizar o processo. Vamos trabalhar em conjunto para garantir que os dados possam ser integrados ao RN Mais Vacina", disse.
 
RN Mais Vacina
O RN Mais Vacina é uma plataforma especialmente construída para o planejamento, acompanhamento, transparência e gestão do processo de vacinação contra a covid-19, no Rio Grande do Norte, resultado de uma parceria do Governo do Estado com o LAIS/UFRN e o Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN). O acesso pode ser feito por meio do link https://rnmaisvacina.lais.ufrn.br/